Drenagem linfática na gravidez

A drenagem linfática é uma massagem muito procurada por gestantes, pois pode trazer vários benefícios durante a gravidez.

Grávida 1Uma técnica que já vem sendo usada há alguns anos e que garante bons resultados contra a retenção de líquidos e inchaço é a drenagem linfática, uma massagem que atua no sistema linfático coletando os líquidos que estão presos entre as células. A drenagem linfática é feita através de movimentos com pressão, leves, rítmico, lento e precisos, para que todo o líquido contido nos tecidos sejam eliminados pela urina.

A maior dúvida das mulheres é se a drenagem linfática pode ser feita durante a gravidez, pois é um dos períodos em que a mulher mais retém líquidos.

Drenagem linfática na gravidez benefícios

Primeiramente é importante ressaltar que a drenagem linfática muitas vezes não é indicada pelos médicos, devido à falta de profissionais qualificados no mercado, cerca de 10% dos profissionais desta área não a realizam com competência e isso é o maior motivo da contraindicação. Pode não parecer mais uma massagem mal feita pode causar até a perda do bebê quando feita antes dos três meses. Os benefícios da drenagem linfática são inúmeros como melhorar a circulação sanguínea, prevenir edemas, prevenir ou diminuir celulites, diminuir o cansaço e o famoso peso nas pernas.

A drenagem linfática muitas vezes pode deixar algumas partes mais doloridas, principalmente quando as mulheres estão com certas áreas do corpo mais sensíveis, isso pode ser normal, mas caso contrário em hipótese alguma a drenagem deve doer ou causar algum tipo de hematoma, pois os movimentos deve ser leves, porém precisos, o que ocorre o contrário, alguns profissionais não qualificados acreditam que a força pode ser a solução para o problema, mas isto é errado.

Fazendo massagem

Drenagem linfática na gravidez a partir de que mês

O mais recomendado pelos médicos é que a drenagem seja feita a partir do quarto mês de gravidez, período em que o bebê já esta em bom desenvolvimento e maior parte dos exames já foram feitos, para garantir que nenhum risco a mãe e ao bebê. O corpo da mulher nos primeiros três meses de gravidez esta muito sensível, pois várias mudanças ocorrem e sendo o período que os órgãos como o coração e coluna do bebê começam a se desenvolver. Por isso a drenagem linfática é recomendada após os três primeiros meses.

Drenagem linfática na gravidez contra indicações

As contra indicações estão ligadas a massagem mal feita por profissionais não qualificados, além de ser contra indicada antes dos três meses, a parte da barriga também não deve ser massageada. A drenagem linfática na gravidez deve ser feita por um profissional qualificado e ainda com experiência e certificado para massagens em mulheres grávidas, além de ser associada a uma alimentação saudável rica em água e fibras e a atividade física moderada com acompanhamento profissional.

gestante-no-sofá

A drenagem é muito indicada no pós-parto, mesmo nos casos de parto normal ela ajuda a relaxar, melhorar a circulação sanguínea eliminando o inchaço, contribui muito para a recuperação também. Lembrando que este processo só esta vinculado ao bem estar da mãe para fins estéticos, não esta ligado ao bem estar do bebê, em casos de estresse, depressão o mais indicado são outros tipos de massagens terapêuticas, que são mais leves e baseada apenas no relaxamento, trazendo o bem estar desta forma pro bebê também.

Saiba mais sobre drenagem linfática

Revisado em 14/07/2017
Publicado em 24/10/2013 por Natalia Fraga

Mais informações por email


Comentar