Home » Saúde

Cólicas de intestino o que fazer

As cólicas intestinais se caracterizam pela dor intensa na região do abdômen que pode vir acompanhada de diarreia e espasmos intensos.

Mulher com dor

A cólica intestinal são dores intensas na região abdominal que surgem de repente levando muitas pessoas ao desespero. Nos primeiros meses de vida, ainda bebê é natural que de tempos em tempos ocorram as cólicas abdominais, pois o intestino ainda encontra certa dificuldade para eliminar os gases que são produzidos pelo aleitamento. Já na idade adulta as cólicas podem surgir devido a vários fatores. Conheça as causas mais comuns nos casos de cólicas de intestino, quais os principais sintomas, e algumas formas de prevenção e tratamento.

Cólicas de intestino causas

A cólica intestinal tanto pode ser um mal estar passageiro ou o indicativo de que algo não esta bem no trato gastro intestinal. Nos casos em que a cólica surja de forma esporádica, pode ser que a causa seja devido ao consumo de alguns alimentos. A quebra na rotina alimentar é um fator a ser considerado. A ingestão de alimentos deteriorados ou com o prazo de validade vencida também pode vir a ocasionar lesões que irão provocar o aparecimento da cólica. As pessoas também podem apresentar cólicas devido a situações de estresse, ansiedade ou angústia.

Os casos de prisão de ventre e espasmos intensos acometem mais no sexo feminino. Estudos indicam que é comum mulheres apresentarem sintomas de prisão de ventre e cólicas principalmente nos dias que antecedem o período da menstruação ou durante a tensão pré-menstrual. Outra causa muito comum é a síndrome do intestino irritável que é um distúrbio funcional cujas causas ainda não são conhecidas e é responsável por pelo menos 15% dos casos de cólica intestinal.

Mulher deitada

Cólicas de intestino sintomas

Algumas vezes as cólicas são intermitentes e trazem outros sintomas tais como o acumulo de gazes e a diarreia. Os sintomas variam de pessoa para pessoa, e pode ocorrer a alternância entre prisão de ventre e diarreia e também a distensão do abdômen devido ao excesso de gazes. A sensação de que a barriga esta pesada ou de que o intestino não foi devidamente esvaziado através da evacuação, é outro sintoma desagradável que muitas vezes acompanha a cólica do intestino.

Cólica de intestino 1

Cólicas de intestino tratamento

Primeiramente é preciso identificar o que esta causando o problema. Nos casos em que houver suspeitas em relação a determinados alimentos, basta evitar o consumo e seguir uma dieta mais saudável, de preferência aos alimentos ricos em fibras. Nas crises intestinais cuja origem esta ligada ao estresse e a ansiedade, é necessário o uso de medicamentos antiespasmódicos, que irão relaxar a musculatura lisa da parede do intestino e normalizar as contrações.

Médico e paciente

Lembrando que não é aconselhável a ingestão de medicamentos por conta própria e sem que haja a prescrição médica. Mulheres com prisão de ventre e cólicas devem evitar a ingestão de alimentos gordurosos, reduzir o consumo de carboidratos e equilibrar a dieta. Caso os sintomas persistam é necessário buscar a orientação do nutricionista.

Quando a crises intestinais são constantes, não é algo que possa ser considerado normal, nesses casos é aconselhável buscar o aconselhamento médico.

Tags: , ,
Publicado por João
Revisado em 21/01/2014

Compartilhar