Sapatos que machucam os pés

Alguns modelos de sapatos machucam e muito os pés, por isso é importante encontrar o modelo que melhor irá de adaptar com você.

Sapatos que machucam o pé

Comprar sapatos não é uma tarefa tão simples como pensamos, quando vamos a loja comprar geralmente o que nos motiva é a beleza de tantos modelos, ficamos encantadas diante de tanta variedade que nos esquecemos do principal, o conforto e, só nos damos conta do péssimo negócio que fizemos quando ao usarmos o mais novo modelo comprado, seja durante o dia para o trabalho, ou à noite na balada, a única coisa que realmente desejamos é um lugar para sentar e relaxar nossos pobres pezinhos. Para não correr mais o risco de levar para casa um modelo lindo, porém que aperte o dedão, ou que esmague o dedinho, ou que machuque o calcanhar, ou que pegue na sola do pé, segue algumas dicas que podem ser de grande utilidade na hora da compra:

                       

1-Sapato para ser confortável não tem que ser necessariamente feio, portanto procure um modelo que além de lindo seja confortável, hoje em dia devido à grande variedade de modelos e marcas os fabricantes estão investindo cada vez mais em conforto, pode não ser o mais maravilhoso scarpin de salto agulha e bico fino, porém com certeza não fará você ficar mancando com dor nos dedos.

2-O melhor horário para se comprar sapatos ao contrário do que muitos pensam é no final do dia, quando seus pés estão justamente mais inchadinhos e “chatos”, assim você levará para casa um modelo que não apertará seus pés desde a manhã até a noite. Ao comprar sapatos experimente-o, não se ilude com o salto, marca, modelo e numeração, experimente vários modelos, pois muitas vezes a numeração varia de marca para marca, ao experimentar coloque os dois pés do calçado e ande pela loja, fique em pé por alguns minutos parada e volte a caminhar, dessa forma você terá claramente a noção de conforto que o sapato oferece.

3-Não confie naquela velha frase de vendedor “leva este mesmo que laceia depois”, pois não há garantias de que o material cederá depois e, se realmente isso ocorrer, ninguém merece ficar sofrendo com um sapato apertado até que este alargue.
Agora o que fazer com aquele sapato maravilhoso, mas que você nem pode pensar em usá-lo que seus pés já começam a doer? Para isso existem algumas dicas caseiras que dizem ser eficazes para estes casos, confira:

A primeira dica é levá-lo a um sapateiro, pois muitos profissionais têm equipamentos que conseguem alargar um pouco mais o sapato, outra dica é usar creme hidratante ou condicionar, na borda do sapato, onde ele esteja pegando seu pé, mas atenção não passe em excesso, pois alguns materiais podem manchar como camurça, por exemplo, deixe o produto agir por algumas horas e retire o excesso com um pano seco.

Coloque sacos com água de maneira que pressionem o local em que o sapato mais aperte seu pé, deixe-os no freezer ou geladeira até que os sacos com água virem gelo, logo após coloque os sapatos ainda com os sacos de gelo em temperatura ambiente até que derretam, em seguida segue os sapatos. Outra dica é aplicar água ou álcool na parte interna dos sapatos, com um auxílio de um papel amassado, limpo e úmido você apertará bem o local, aguarde por 12 horas e retire o papel, algumas pessoas costumam calçar os sapatos ainda úmidos para que tome a “forma” do pé.

Ressaltamos que são apenas dicas e sugestões e que não testamos a nenhuma delas para comprovar sua eficácia, você também pode optar por comprar palmilhas e modeladores que amaciam o couro e conservam melhor seus calçados, fica a dica principal, jamais compre sapatos que lhe sejam apertados ou que sinta algum desconforto já ao experimentá-lo, não tenha pressa e procure experimentar vários modelos até chegar a um que atenda a todos os quesitos, seus pés lhe agradecerão.

1 voto



Josi
24/08/10


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook