Quais são os sintomas do trabalho de parto

Saber quais são os sinais do trabalho de parto são dúvidas frequentes das mamães ainda mais se forem de primeira viagem.


Sintomas do trabalho de partoHá gestantes que sabem exatamente quando chega a hora de dar a luz, mas também a outras mulheres que confundem o estágio inicial do trabalho de parto com sintomas de azia, indigestão, diarreia, dor lombar entre outras. Saber as diversas mudanças que ocorrem no corpo e os sinais que indicam que o trabalho de parto está próximo é importante para ajudar a mulher a se preparar e fazer deste grande dia uma experiência saudável.

Saiba quais são os sintomas do trabalho de parto que podem indicar que você está próxima do grande dia.

         

Sinais do trabalho de parto

Na maioria das vezes os bebês anunciam a sua chegada mandando sinais que já estão prontos para nascer. Mas devido à ansiedade das mães – sensação comum para a maioria das gestantes que estão próximas do nascimento do bebê – a interpretação dos sintomas pode ser mais dificultoso do que o normal. Veja quais são os sintomas mais comuns do trabalho de parto.

Mulher grávida deitada

Contrações

As contrações são caracterizadas por uma dor bem abaixo do ventre muito parecido com uma cólica menstrual mais forte que o normal. A dor também pode vir em forma de pontada na região da vagina ou no fundo das costas muito parecida com uma crise renal. Durante as contrações a barriga fica dura podendo durar até 1 minuto cada contração. As contrações são sem dúvidas os sinais mais evidentes associados ao trabalho de parto, mas não devem ser o único indicador de um verdadeiro trabalho de parto, pois podem ser confundidas com as contrações falsas.

Rompimento da bolsa

Este rompimento indica a ruptura das membranas que são conhecidas como bolsas das águas, onde está localizado o líquido amniótico que protege o bebê contra agressões do meio externo. Quando há a perda deste líquido a mulher pode sentir fortes contrações, febre, dor de cabeça, alterações na visão e dor abdominal. Este rompimento pode ser no inicio ou no final do trabalho de parto, caso este líquido estiver acompanhado com sangue, deverá ligar para seu médico.

Tampão Mucoso

Durante a gravidez as glândulas do colo do útero produzem uma substância espessa que bloqueia totalmente a entrada do colo conhecido como tampão mucoso. A função deste tampão é impedir a entrada bactérias à bolsa das águas onde está o bebê. A saída deste tampão (aspecto gelatinoso e transparente) é um indicador que o trabalho de parto está próximo ou que já esteja acontecendo, por isso sua identificação é importante.

Movimento fetal

Muitas mulheres podem notar que dias antes do trabalho de parto os bebês se mechem menos, ficam menos ativos. Os médicos ainda não têm muito certeza o porquê isso acontece, mas uma teoria deles é que o seu bebê possa estar guardando energia para nascer.

Dilatação do colo do útero

A dilatação do colo do útero é um processo lento que ocorre quando as contrações encurtam as fibras musculares do útero, empurrando o bebê para baixo e puxando o colo para cima. Para o nascimento do bebê a dilatação deve ter 10 centímetros que podem levar de 10 a 14 horas para acontecer.

O falso trabalho de parto

O falso trabalho de parto também conhecido como contrações de Braxton Hicks confundem muitas gestantes principalmente as de primeira viagem. Essas falsas contrações se caracterizam como uma dor no abdômen que vem e depois desaparece, não sendo dolorosa e nem regular. O falso trabalho de parto indica que o seu corpo está se preparando para o grande dia.

Mulher grávida e médico

Os sintomas do trabalho de parto podem diferenciar-se de mulher para mulher, por isso é importante ter o acompanhamento correto de um médico.

Para saber mais informações sobre este assunto assista ao vídeo Sintomas do trabalho de parto do Mundo Mulheres do Youtube:

SINTOMAS DO TRABALHO DE PARTO

Saiba mais sobre o trabalho de parto

0 voto






Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook
  1. Ola estou com 8 meses e sinto umas dores na região vaginal e minha filha mexe um pouco e DOI mais e dor nas costas,sera q
    Ta chegando o dia???

    thais
    26/02/14 às 9:54 am
  2. É Sempre bom tirar nossas duvidas atras desde canal…

    natalia magalhaes
    19/01/14 às 9:36 pm
  3. oiii tdo bem eu to de oito meses e meio sinto muitas dores nas costas bem perto da bunda isso e sinal de parto eu to lukinha para ver a carinha da minha filhinha luanah

    Jhennifer
    02/12/13 às 12:50 pm
  4. E estou cm 35 semanas de gestacao esqueci de mencionar que fui ao banheiro fazer minhas necessidades e saiu uma gosma branca como se fosse clara de ovo falei ao medico tb e ele continuou sem me dizer o que poderia ser

    stefanie
    29/06/13 às 12:11 pm
  5. Boa tarde , meninas preciso de uma ajuda a 3 dias que vou ao banheiro e sai um sangue meio rosado mas so sai quando passo o papel higienico para me secar fui ao medico e ele disse que o meu colo do utero ainda esta fechado pedi explicacao pelo sangue rosa ele nao me disse nada

    stefanie
    29/06/13 às 12:08 pm
  6. Poderia colocar mais informações, isso é o que está praticamente em todos os blogs, sites, e etc. Mas fora isso está muito bom, obrigada.

    Nara
    11/04/13 às 11:37 pm
  7. OLá, estou de 37 semanas, com muita dor no final das costas e nos ossos da vagina, as vezes corrimento claro, é o início do parto? Estou feliz pq não vejo a hora de ver minha princesinha, as vezes até penso que essas dores são um pouco psicologicas pela pressa, grata,
    Ana

    ana cecilia brasil
    10/05/12 às 4:53 pm
  8. oi, eu estou de 37 semanas e tou sentindo umas dores finas nas costas sera sinal de parto? tambem tenho tido mt corrimento…

    anasilva
    05/05/12 às 7:02 pm
  9. oiii …estou de 37 semanas de gestaçao ,e estou sentindo muita dor em cima dos ossos da vagina, queria saber se isso é normal se isso é um sinal de começo de parto?mais estou muito feliz e anciosa pra chegada do meu filho ygor Matheus…
    obrigada.

    andressa mariani andrietti
    11/04/11 às 3:25 pm

X
Curta a página