Gripe durante a gravidez

É comum que durante a gravidez a imunidade abaixe deixando as mulheres mais suscetíveis a contrair vírus como o da gripe.

Mulher espirrandoA gripe causa sintomas desagradáveis em todas as pessoas, e para a mulher no período de gestação o desconforto é ainda maior. O mal-estar e todos os incômodos que a gripe produz são potencializados e para agravar ainda mais a situação a gestante não pode ingerir vários tipos de medicamentos. Saiba mais sobre o que fazer e como evitar a gripe durante a gravidez.

Gripe durante a gravidez o que fazer

Durante a gravidez o sistema imunológico tende a ficar mais vulnerável, possibilitando a ocorrência de infecções como gripes e resfriados. A gestante deve buscar a orientação do obstetra, o mais breve possível, ou seja, quando os primeiros sintomas da gripe se manifestarem durante a gravidez, esse procedimento pode evitar possíveis complicações.

                       

Mulher grávida e médica

Além dos indesejáveis sintomas a gripe na gravidez pode causar infecções, como amidalite, faringite, sinusite e até mesmo a pneumonia. Jamais faça uso de medicamentos sem consultar o médico, os antigripais contem epinefrina que é um vasoconstritor que pode provocar a queda de pressão e taquicardia.

Os descongestionantes nasais também devem ser evitados e substituídos por soluções hipertônicas próprias para uso nasal. Com o surgimento do vírus da gripe A que é extremamente perigoso para as gestantes, por precaução é comum o médico indicar um remédio antiviral mesmo sem a confirmação de que a gripe é a do tipo influenza A/H1N1.

É bom ficar atenta para os sintomas, à gripe causa febre, o resfriado comum apresenta todos os sintomas da gripe, mas não provoca o aumento da temperatura corporal.

Gripe durante a gravidez afeta o bebê

O bebê não é contagiado pelo vírus da gripe, ou seja, ele não fica gripado junto com a mãe, no entanto se você não esta bem ou ficar muito fraca e debilitada, com certeza seu estado físico e mental irá refletir no bem-estar do bebê. Devido a todos esses fatores é importante que a gestante faça tudo o que for necessário para que o restabelecimento de sua saúde seja breve e que durante o processo infeccioso haja o acompanhamento médico.

Grávida com febre

O que pode afetar o bebê é a ingestão de medicamentos sem a orientação do médico, pois alguns medicamentos afetam o desenvolvimento do feto. E ainda existem os remédios que podem provocar o parto prematuro ou causar hemorragias complicando ainda mais o quadro geral da pessoa infectada.

Como evitar a gripe na gravidez

Alguns médicos costumam indicar a vacina contra a gripe durante a gravidez por conta do risco de infecção com o vírus H1N1. Além da vacina a gestante deve se prevenir evitando lugares fechados e com muita pessoas. Manter hábitos de higiene tais como, lavar as mãos com sabão líquido antibacteriano e esterilizar com álcool em gel. A dieta a base de frutas, legumes e verduras fortalece o sistema imunológico e ajuda na prevenção.

Procure a orientação do obstetra sobre a necessidade do uso de suplementos e vitaminas que contenham antioxidantes, como a vitamina C que previnem contra infecções.

Manter o corpo hidratado é fundamental para a prevenção contra as infecções, o ideal é ingerir líquidos, além de água, beba suco de laranja ou limão que são ricos em vitaminas C. Evite as mudanças repentinas de temperatura..

Após o banho aguarde alguns minutos antes de sair do banheiro e certifique se de que não existem correntes de ar frio. A gripe é uma doença transmissível evite o contato com pessoas contaminadas mesmo que sejam amigos e familiares. É o tipo de doença que pode ser evitada se alguns cuidados diários e constantes não forem negligenciados.

Saiba mais sobre a gripe

1 voto


Joao Romao
08/10/13


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook