Gravidez e corrimento é normal?

Durante a gravidez é normal surgir alguns tipos de corrimentos devido às alterações hormonais, porém nem todos podem ser ignorados.

Gestante

A gravidez é um período de grandes transformações tanto físicas quanto psicológicas na vida de uma mulher, afinal serão nove meses de grandes mudanças e descobertas, por isso é importante que a mamãe esteja preparada para aproveitar cada etapa deste mais novo momento. Durante o período de gestação é comum também surgir muitas dúvidas e preocupações, tanto em relação ao desenvolvimento do bebê quanto em relação à saúde da mulher e o corrimento na gravidez é um dos fatores que mais preocupam as futuras mamães por não saberem do que se trata, se é normal ou não e até onde pode ser prejudicial à gravidez.

                       

Embora o corrimento na gravidez seja algo considerado normal devido às várias alterações hormonais naturais dessa fase, alguns tipos de corrimento requerem um pouco mais de cuidado. Vejamos no Mundo Mulheres quando é normal e quando o corrimento pode indicar algo mais sério.

Corrimento normal na gravidez

O corrimento normal na gravidez é aquele que não apresenta cheiro, coceira e tem coloração clara, semelhante à secreção do período fértil, pode ser ainda esbranquiçado ou transparente e até mesmo espesso. Este tipo de corrimento é uma secreção normal que tem como principal função umedecer e lubrificar a vagina, durante a gravidez esse tipo de corrimento tende a se intensificar devido à estimulação hormonal, sendo então considerado extremamente normal.

Mulher grávida sentada

Corrimento marrom na gravidez

Todo e qualquer corrimento deve ser investigado pelo médico, tanto no período de uma gestação quanto fora dele, principalmente os avermelhados ou amarronzados, pois normalmente costumam indicar a presença de algum sangramento, porém alguns não requerem tanta preocupação e são até considerados normais na gravidez. O corrimento marrom considerado normal pelos médicos é aquele que ocorre no início da gravidez, mais conhecido como sangramento de implantação.

Como ele ocorre bem no início da gestação, muitas mulheres o confundem com aquela secreção que indica o início de um novo ciclo menstrual, outro corrimento marrom também considerado normal pode ocorrer durante o primeiro trimestre de gravidez, devido ao aumento da vascularização tanto do útero quanto da vagina, normalmente esses corrimentos são discretos e não apresentam odor, irritação ou coceira. O corrimento marrom ainda pode aparecer no final da gravidez, indicando que a hora do parto está se aproximando.

Mulher grávida de vestido

Corrimento amarelado na gravidez

O corrimento amarelado ou esverdeado na gravidez, embora comum não é normal, principalmente se vier acompanhado de cheiro forte, dor íntima, coceira e ardência. Este tipo de corrimento normalmente indica a presença de uma vaginose bacteriana, que se não tratada adequadamente pode causar inflamação, gerando complicações no parto e até mesmo ruptura prematura da bolsa ou uma infecção pós-parto.

Grávida segurando sapatinhos

Corrimento branco na gravidez

O corrimento branco, com aparência de leite talhado, espesso, sem cheiro, acompanhado ou não de coceira vaginal pode ser candidíase, é normal aparecer na gravidez devido à baixa imunidade.

Grávida sorrindo

Embora alguns tipos de corrimentos sejam considerados normais na gravidez, nunca devem ser ignorados, portanto relate ao seu médico qualquer anormalidade observada durante a gravidez e curta uma gravidez tranquila e saudável.

Quer saber mais sobre esse assunto? Então confira o vídeo Gravidez e corrimento é normal? Do canal Mundo Mulheres do Youtube:

GRAVIDEZ E CORRIMENTO É NORMAL?

Saiba mais sobre corrimento

1 voto






Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook