Como cuidar da anemia dos recém nascidos

Como cuidar da anemia dos recém nascidos

O maior sonho de uma mulher é dar a luz a uma linda criança e que essa viva cheia de saúde pro resto da vida, porém muitos bebês recém-nascidos nascem com alguns problemas por causa do peso que ele não conseguir atingir durante toda a gravidez da mãe e com isso um problema que pode aparecer é a anemia. O principal sintoma da anemia é a aparência pálida e o bebê fica fraco e o cansaço. Cerca de 10% dos bebês possuem anemia no início de suas vidas. Os seres humanos possuem a anemia porque o organismo está com falta de ferro em sua alimentação. O nosso organismo necessita do ferro para produzir as hemoglobinas, as quais são os conhecidos glóbulos vermelhos no sangue, sendo este o que auxilia no transporte de oxigênio dos pulmões para todo o nosso corpo. Os bebês que estão com anemia não possuem uma boa circulação de oxigênio por todo o seu corpo. Em alguns casos de anemia os sintomas podem ser: palpitações, transpiração nos pés e nas mãos e dificuldade na hora de respirar. Se a criança estiver apresentando os sintomas citados à cima os pais devem levá-lo imediatamente para o médico pediatra, pois se a anemia não for tratada podem causar um atraso no desenvolvimento mental e físico da criança. A anemia aparece porque o peso do bebê está abaixo do indicado normal. Por isso é recomendado que até os seis meses de idade a criança se se alimente somente do leite materno e nada mais, pois os leite em pó e o de vaca não possui a quantidade de ferro necessária para um bom funcionamento. Para a prevenção da anemia o ideal é alimentá-lo somente do leite materno durante os primeiros seis meses de vida, depois ir colocando alimentos ricos em ferro como o espinafre, feijão, carnes e etc e não dar leite de vaca para crianças com menos de uma ano de idade. A anemia é tratada com uma dieta rica especialmente em ferro, mas se ele somente mama é tratada através de um suplemento de ferro em forma de gotas.

         
0 voto



Fran
25/05/09



Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook