Câncer de pele melanoma

O Melanoma é um câncer que representa uma parte dos tipos de câncer de pele, sendo ele o mais grave. Confira suas causas e tratamentos.

cancer de pele

O câncer de pele é a doença que mais cresce atualmente e atinge principalmente pessoas de pele clara que sofrem grande exposição solar. Geralmente ocorre em idade saudável, dos vinte aos quarenta anos e pode atingir também boca e olhos, por exemplo, nos homens com mais incidência nos membros superiores e nas mulheres inferiores, no rosto com a mesma incidência de casos.

O que a maioria das pessoas não imaginam é que existem dois tipos de câncer que podem atingir a pele, o mais comum é o carcinoma basocelular, ele causa o crescimento fora do comum das células profundas da epiderme, e o câncer melanoma é o mais raro e o mais grave também, ele é causado pelos raios ultravioletas atingindo as células responsáveis pela produção de pigmento, os monócitos, produtores de melanina, que dá a cor pra pele.

Além da pele, este tipo de câncer também pode atingir mucosas como esôfago, olhos e vagina, também, estes casos são mais raros, e ocorrem quando o diagnostico é tardio.

Câncer de pele melanoma sintomas

médica com lupa

Este tipo de câncer surge como um nódulo ou uma mancha, geralmente surge e desenvolve-se em uma pinta, esta é considerada pré-existente, ou seja, uma pinta nova, recente e que não seja de nascença, mas não é obrigatoriamente surge desta forma. Lembrando que em seu processo de desenvolvimento ele já apresenta características de tumores malignos.

A característica da mancha ou nódulo formado por este tipo de câncer, formato e bordas irregulares, médicos costumam comparar com um mapa geográfico de um território litorâneo, isso porque a intensidade da mancha pode variar pra mais clara e escura em certos pontos da mancha. Além de surgir sangramento, coceira e inflamação.

Câncer de pele melanoma tem cura

médica olhando braço com pinta

A cura desde tipo de câncer está ligada à descoberta precoce, seu diagnóstico é clínico, mas a biopsia é a forma de confirmação, além da dermatoscopia que também é um exame laboratorial.

Mais sobre Câncer de pele melanoma

Por ser um tipo de câncer raro e ainda que pode causar metástase com maior facilidade, os órgãos mais comuns que sofrem geralmente são linfonodos, cérebro e fígado.

Câncer de pele melanoma tratamento

 

Além da cirurgia para retirar o tumor, outros tratamentos como imunoterapia, radioterapia e quimioterapia. O tratamento é recomendado de acordo com o tipo de tumor, além de lembrar que o tempo de surgimento para a descoberta é muito importante, por isso quanto antes descoberto, o tratamento será mais eficaz e menos agressivo. coçando

A melhor forma de prevenção é utilizando produtos cosméticos com fator de proteção solar, não se esquecendo dos lábios, existem além de protetores especificados, mas também batons e balsamos para proteger, dar cor e hidratar, optar pela exposição solar nos horários nobres que é até as 10 horas da manhã e após as 16 horas da tarde e ainda utilizar óculos com lentes protetoras, acessórios para a cabeça como chapéu, turbante, boné, etc. E ainda manter alimentação saudável e o consumo de água ideal, tudo isso pode prevenir o câncer de pele melanoma entre outros câncer. A exposição correta pode trazer benefícios, portanto use o sol a seu favor.

Quer saber mais sobre o câncer? Veja o vídeo sobre dores mamárias o medo do câncer de mama no canal do Mundo Mulheres no Youtube:

Leia mais sobre câncer



Mais informações por email.

Comentar sobre Câncer de pele melanoma

Destaque

Hábitos comuns que prejudicam a saúde íntima

Hábitos comuns que prejudicam a saúde íntima